Stana Katic Brasil » Notícias

Stana Katic Brasil

Stana Katic Brasil

Siga-nos em nossas redes sociais:
Amin Matalqa responde a perguntas de fãs sobre “The Rendezvous”

O diretor de "The Rendezvous," Amin Matalqa, fez um Live em seu Facebook na tarde de sexta-feira, 10 de novembro, onde respondeu diversas perguntas enviadas por fãs sobre como foi o processo de fazer o filme. Destacamos os trechos mais interessantes, em que Matalqa fala sobre Stana, sua personagem Rachel Rozman, e sobre o processo geral de transformar um livro com uma temática mais pesada em um filme de aventura pipocado com romance e comédia.

"Quando apresentei o projeto aos produtores, a ideia era fazer o filme mais leve do que o roteiro original," disse Amin. "Queríamos que ele fosse divertido, então mexemos no roteiro e colocamos humor nele. Mas queríamos que fosse um filme romântico, que tivesse uma pegada tipo 'Tudo Por Uma Esmeralda' ('Romancing The Stone,' 1984), desses filmes de aventuras com amigos, com uma homenagem a filmes dos anos 60, como 'Charada' ('Charade,' 1963)."

Respondendo à pergunta do SKBr sobre a escalação da Stana para o papel da médica judia Rachel Rozman, Amin comentou que, a princípio, eles queriam "que a atriz fosse, ao menos, parcialmente judia," mas disse que a lista de possíveis atrizes ia além disso. Ele citou alguns nomes que foram cogitados para o papel, como Natalie Portman ("Star Wars," "Cisne Negro") e Alison Brie ("Community," "GLOW"). Sobre esta última, Amin disse que "teria sido uma escolha muito diferente, mais como um peixe fora d'água, talvez com uma personalidade mais divertida do que tivemos no filme," e completou dizendo que "Stana acabou mantendo o filme num equilíbrio entre drama e comédia. Ela tem um timming de comédia incrível, impecável."

Eles chegaram à Stana através da diretora de elenco, Lindsey Weissmueller. Amin só havia visto uns dois episódios de "Castle," a muito tempo atrás, e não estava familiarizado com o trabalho da atriz. A primeira reunião de Stana com Amin e os produtores foi um jantar, onde instantaneamente eles se apaixonaram por ela. "Assim que você a conhece, você pensa, 'Essa pessoa é uma estrela de cinema.' Ela é natural, muito generosa e não tem ego. Ela é uma boa pessoa. Então a escalamos imediatamente. Torcemos para que ela aceitasse nosso filme," contou Amin.

Sobre como Stana contribuiu para a personagem, Matalqa disse: "Antes de começarem as filmagens, Stana e eu falamos sobre as qualidades que queríamos evidenciar. A personagem escrita por Tricia Gibbs, [sob o pseudônimo] Sarah Isaias no livro 'A New Song', é uma pessoa genuinamente boa, que quer ajudar os outros." Para ele, Stana "trouxe equilíbrio, (...) mantendo o tom dramático ao mesmo tempo que mantém as coisas leves e divertidas."

Para Amin, foi díficl achar esse equilíbrio. A questão que fica no ar é, "onde ele é um thriller e onde ele é uma comédia?" Eles aproveitaram a primeira metade do filme, antes da ação realmente começar, para encontrar esse equilíbrio: "Só para garantir, (...) fazíamos uma tomada séria, como estava no roteiro, e depois fazíamos no estilo de 'Charada'." Os atores, então, passavam as mesmas falas mas de um modo mais divertido, meio petulante, deixando o tom da cena mais leve. Assim, eles tinham a mesma cena com humores diferentes, de modo que Amin e o editor Sasha Dylan Bell pudessem escolher as tomadas de forma que uma contrabalanceasse a outra: se escolheram uma mais séria num momento, no seguinte, escolheriam uma tomada mais leve.

Quanto à escalação de Raza Jaffrey, Amin contou que não o conhecia e que o ator também foi sugerido pela diretora de elenco Lindsey Weissmueller. Segundo ele, a conexão entre Stana e Raza foi instantânea e eles ficaram muito confortáveis um com o outro. "Acho que era muito importante ver que Stana e Raza, fora de cena, tinham uma boa cumplicidade," contou Amin. "Enquanto preparávamos a cena seguinte, eles estavam passando as falas e conversando sobre seus personagens, e eles traziam [o resultado da conversa para a cena]." A química entre dois foi muito importante para o filme, acredita Matalqa, pois "qualquer furo ou inconsistências no roteiro podem ser perdoados se a dinâmica dos dois personagens principais conquistou o público."

Amin contou que o filme foi gravado em menos de 33 dias: foram 30 na Jordânia e, depois, 2 dias e meio em Los Angeles. O diretor contou com a ajuda da também diretora Annemarie Jacir para assumir o comando nos últimos 3 dias de filmagens em Amann, pois Matalqa precisou voltar para LA para fica com sua esposa, Claire, que estava doente e veio a falecer logo em seguida. ("The Rendezvous" é dedicado à sua memória.)

Foi sob o comando de Jacir que foram filmadas as cenas em que Stana e Raza andam de camelo no deserto. Segundo Amin, "um camelo realmente gostou da Stana e o outro foi teimoso com o Raza." Alguém aí surpreso que essa mulher encanta até camelos? 😅 Ele contou ainda que a cena em que eles passam a noite no deserto foi, na realidade, gravada durante o dia, e usaram efeitos especiais e correção de cor para escurecer e parecer que era à noite.

Amin ainda menciou que um final alternativo para o filme foi gravado, mas, entre risos, não disse qual seria ele - e como não há nenhum tipo de extras no DVD, é capaz de a gente nunca descobrir. 🙁

Ou coisa que provavelmente não veremos é uma participação muito especial. No filme, vemos Jake fazendo um comentário que, pela descrição, o irmão de Rachel parecia o Indiana Jones, durante o vôo deles para Amann. A cena seguinte seria deles chegando ao aeroporto, onde veríamos "Kris, o marido da Stana, fazendo uma ponta usando um chapéu de Indiana Jones e um casaco de couro. A cena começava com ele, e seguia para um cara vestido com um traje beduíno típico, até nos levar a Stana e Raza," em uma tomada única. Infelizmente, por questão de tempo, a cena não entrou no corte final.

Amin elogiou Stana por ter feitos suas próprias cenas de ação, como correr por cânions estreitos, escalar rochas e dirigir em alta velocidade pelo deserto. "Ela fez algumas das cenas dirigindo. Eu estava preocupado, porque estávamos no banco de trás com a câmera, sacudindo, enquanto ela dirigia pelo cascalho no deserto. Mas ela pisou fundo no acelerador e foi direto."

"Trabalhar com Stana foi incrível. Eu aprendi muito com ela," disse Matalqa. "Ela se prepara muito, faz muito dever de casa e discute bastante [sobre o projeto]. (...) Adoraria fazer outros filmes com ela - isso seria divertido - ou uma série. (...) Talvez nossos caminhos se encontrem novamente no futuro."

Assistam o vídeo completo da Live, que tem cerca de 30 minutos, caso queira saber mais curiosidades sobre "The Rendezvous":

Vídeo: Bastidores da sessão de Stana Katic com Nino Muñoz

Hoje veio à tona um vídeo dos bastidores da sessão de fotos da Stana com o fotógrafo Nino Muñoz, feita em abril deste ano em Los Angeles. O vídeo original tem cerca de 5 minutos, e é basicamente um perfil do fotógrafo com depoimentos dele e de colaboradores. Eu editei para manter apenas as cenas em que Stana aparece. Se quiserem conferir o vídeo todo, cliquem aí. Se não, a edição só com Stana está abaixo, e as capturas de tela (em 1080p) já estão na galeria.

Absentia: Sinopse & stills de 1.09 “Child’s Play”

Confiram a sinopse e as fotos promocionais do penúltimo episódio de "Absentia," que irá ao ar no dia 13 de novembro:

Emily consegue extrair mais informações de Charles e espera que este seja um avanço na sua investigação. Será que isso irá levá-la a Flynn? Será que ela descobrirá a identidade de quem está armando para ela? Será que Tommy e Nick acançarão Emily e darão um fim ao caso que consumiu toda a vida da ex-agente?

Séries > Absentia > Stills de episódios > 1.09 "Child's Play"

Entrevista de Stana Katic na Glamour Hungria

Ela retorna em uma nova série interpretando uma agente, mas a queridinha do público Stana Katic não é uma novata.

A atriz canadense passou por várias séries famosas na última década, desde "Plantão Médico" ("ER"), a "24 Horas" ("24") e "Heroes". Ela também apareceu em filme do James Bond, mas todos a amam por interpretar Kate Beckett em "Castle". Mas ela deixou a história de sucesso para trás após 8 temporada, e agora Stana Katic retorna com uma personagem ainda mais empolgante. Conversamos com a atriz sobre "Absentia" e os desafios da televisão moderna.

Quão difícil foi interpretar a personagem Emily Byrne?
O mais difícil foi ir e voltar na história. Imagine filmar uma cena do 10º episódios, e no mesmo dia gravar uma cena do 2º episódio e depois mais uma do 5º. É como se tivéssemos rodado três filmes. Foi um grande desafio, mas também foi divertido.

Vemos muitas personagens femininas fortes recentemente. Emily é uma delas?
O catalizador de "Absentia" é o que acontece com Emily. Essa não é apenas a história dela, mas sim o colapso de sua vida. O que acontece com os outros personagens é só uma consequência da história dela, mas ao mesmo tempo, esses personagens têm um efeito um sobre e dependem um do outro.

Você também faz filmes, mas trabalha principalmente em produções televisivas. Isso é uma escolha consciente?
Na verdade, não. Eu não me importo com o meio onde será feito meu trabalho. Eu procuro bons papéis e histórias interessantes.

Muitos atores dizem que seriados estão roubando o lugar do cinema. O que você acha disso?
Não há dúvidas que, atualmente, a televisão tem mais produções e maiores orçamentos do que nunca, e muitos atores que antes só faziam cinema estão entrando para a televisão. A audiência, por natureza, não muda muita entre os dois apesar de ser plataformas diferentes. Mas ambos querem contar boas histórias.

Você era fã de algum seriado quando jovem?
Nossa, cara! Eu amava "Perdidos no Espaço" ("Star Trek")! Eu faço uma saudação vulcana, e sempre quis afiar minhas orelhas.

Fiquei muito surpresa em saber que você compõem músicas e que também canta. Me conte mais sobre isso.
Isso é engraçado. Não é algo que faz parte da minha carreira, e sim algo que eu gosto de fazer em casa, em segredo.

 
Absentia
Na série, Stana Katic interpreta Emily Byrne, uma agente do FBI que desaparece sem deixar rastros enquanto investigava um assassino em série. Ela é dada como morta mas, 6 anos depois, é encontrada com vida em uma cabana na floresta sem lembrar do que aconteceu. Na sua antiga vida, nada continua igual: seu marido casou-se novamente e seu filho não a reconhece. Emily se vê envolvida em uma nova série de crimes, mas parece que ela não pode mais confiar nem em seus colegas da agência.

 
Confiram os scans da revista (e a foto usada) em nossa galeria:

Scans > 2017 > Glamour Hungria [novembro]
Sessões de fotos > 2017 > #01 - Nino Muñoz

Absentia: Sinopse & stills de 1.08 “Brave Boy”

Confiram a sinopse e os stills promocionais do episódio da próxima semana de "Absentia":

Alice e Flynn são sequetsrados por um misterioso vilão. Nick suspeita que Emily tenha sequestrado sua família e desesperadamente tenta encontrá-los. Uma repórter faz de tudo para conseguir uma entrevista exclusiva com Jack. Emily tenta conseguir respostas com Charles, mas precisa fugir quando Nick a encurala. Como será esse reencontro entre o ex-casal?

Séries > Absentia > Stills de episódios > 1.08 "Brave Boy"